4 passos para a conquista da casa própria

Fique por dentro do nosso conteúdo e receba tudo o que você precisa saber sobre loteamentos, desde investimento a construção

Realizar o sonho de conquista da casa própria é o que incentiva grande parte das pessoas a conquistar um bom emprego e ter estabilidade financeira para arcar com a compra e manutenção do imóvel.

Acontece que, no desejo de tornar real esse importante objetivo, muitas vezes, os brasileiros não se programam de uma maneira adequada e, com isso, se desequilibram financeiramente, gerando muitos problemas que podem levar, até mesmo, à perda do imóvel adquirido.

Para evitar esse tipo de transtorno e frustração, são necessários muitos cuidados e, principalmente, um planejamento detalhado e bem antecipado antes de realizar o sonho da casa própria. Além de organização financeira, há uma série de fatores que você precisa levar em conta antes e durante do processo de escolha de seu futuro lar.

É por isso que, no post de hoje, listamos 4 passos essenciais para a conquista da casa própria

umas coisas simples, mas de extrema importância para realizar o sonho da casa própria e fazer um bom negócio. Confira.

Os passos para a conquista da casa própria

1. Escolha do tipo de imóvel

O primeiro passo é você decidir se a sua tão sonhada casa própria será realmente uma casa ou um apartamento. A escolha do apartamento à primeira vista se torna uma opção mais fácil, devido a quantidade de oferta e preço, porém o desconforto em relação a uma casa é inegável.

No entanto, hoje já é possível adquirir um lote + construção financiados, em que o custo final será o mesmo de um apartamento.

2. Pesquise o melhor banco para o seu financiamento

Na parte financeira, como dificilmente a aquisição de um imóvel é feita a vista, você provavelmente terá que recorrer a financiamento imobiliário. Como não há financiamento que não incida juros e outras taxas, procure a instituição bancária que ofereça as melhores taxas para sua situação. Geralmente os bancos públicos como Caixa e Banco do Brasil possuem taxas mais atrativas.

3. Faça um planejamento financeiro

Geralmente, nenhum banco financia 100% do imóvel, portanto, verifique a quantia que deve ser dada como entrada, os valores de cada uma das prestações e avalie se elas estão de acordo com o orçamento familiar.

Lembre de incluir no seu planejamento alguns custos extras como por exemplo os móveis e eletrodomésticos que serão necessários no novo imóvel.

Se ainda não possui o dinheiro para a entrada e precisa se programar para pagar seu financiamento, de uma olhada em nosso post sobre planejamento financeiro.

4. Faça uma análise prévia da empresa antes da compra

Caso você vá comprar um imóvel na planta ou financiar o lote + construção da casa, antes de assinar o contrato de financiamento com o banco, certamente você terá que assinar um contrato de compra e venda com a empresa proprietária do imóvel e já ir pagando parte do valor total até chegar a hora do financiamento.

Até aí tudo bem, pois tudo que você está pagando já irá contar como aquele valor da entrada que todos os bancos exigem.

O problema está se, a empresa na qual você comprou o imóvel tiver algum problema financeiro, como ir a falência, ou até mesmo possuir grandes passivos trabalhistas na justiça, fazendo com que seus bens sejam bloqueados, você corre o risco de perder todo dinheiro pago.

Por isso, analise bem a empresa antes. Veja qual o histórico dela, se ela entregou outras obras no prazo e se os documentos do imóvel estão conforme exigido pela lei para que ela possa efetuar essa venda.

Todos esses itens estando ok não irão garantir em 100% que nada dê errado, mas com certeza irão diminuir a quase zero o seu risco para esse importante investimento.

 

Como escolher o seu lote?

Como escolher o seu lote?

baixe agora

Equipe IMG

materiais

Baixe agora os materiais educativos da IMG
Fique por dentro do nosso conteúdo e receba tudo o que você precisa saber sobre loteamentos, desde investimento a construção